M. De Deus: PSB recebe o apoio do PT e aceno do governador petista para o interino não passou de factoide e sonho

Caiu como um tanque de água fria, o discurso que o partido Progressistas do deputado estadual Niltinho; o vice governador João Leão e o presidente Nelson Leal seriam fiadores de uma candidatura do interino Jailton Santana (PTB) e apoiado pelo correligionário afastado Jeferson Andrade junto ao governador Rui Costa.

Uma reunião nesta quinta-feira (23) entre o diretório estadual do PT e do PSB com as presenças de Eden Valadares e da deputada Lídice da Mata sacramentou o apoio do partido do governador Rui Costa ao projeto eleitoral capitaneado pelo socialista Dailton Filho. Além do pré candidato à prefeito de Madre de Deus, Dailton Filho, o deputado Angelo Almeida, o primeiro-secretário do PSB estadual, Rodrigo Hita, e o presidente do PT municipal, Anisvaldo Daltro participaram do encontro decisório.

A presidente do PSB, que também é pré-candidata a prefeita de Salvador, destaca a importância dessa parceria para Madre de Deus. “Esse é um momento de construção de uma nova história para Madre de Deus, ao lado de Dailton Filho. Essa aliança é de grande importância para todos, tendo em vista o crescimento deste município junto a nossa capital”, afirmou Lídice da Mata.

“A união do PT com o PSB em Madre de Deus reforça o espírito de unidade que a gente vem construindo ao longo de anos na Bahia. Estamos muito contentes com essa aliança que, certamente, irá disputar os rumos de Madre [de Deus] com muita força e vitalidade politica”, observou o presidente do PT baiano, Eden Valadares.

O presidente do diretório municipal do PT em Madre de Deus, o projeto conduzido por Dailton Filho é o mais propício para o futuro da cidade. “A decisão foi pensada na cidade com partido e dialogada com o senador [Jaques] Wagner em conjunto com as lideranças do PSB. Dailton é o melhor nome pra fazer a gestão e mandato voltado para o povo sem rancor e sem vingança. Vamos marchar juntos. Ele é o melhor para a cidade”, declarou Daltro.

Diante do cenário de aliança programática dos partidos que integram o projeto capitaneado pelo PSB, a situação eleitoral do interino Jailton fica bastante delicada. Partidos que ainda estão na sua base de apoio podem seguir orientações dialogadas por estâncias superiores e deixá-lo a ver navios na orla. Especula-se que apenas o diretório do PTB, alguns pré candidatos e o grupo de Jeferson no PP, além setores do DEM devam caminhar com o interino.

Leia a anterior

Marden, o homem que vem do futuro previu projeto de reeleição e apoio de Jeferson para Jailton

Leia a próxima

Camaçari: Boulevard Shopping reabre nesta segunda-feira (27)

Deo seu recado

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *