Legitimidade dos partidos tem sido usada para criar factoides na sucessão municipal em Madre de Deus

O projeto representado por Dailton Filho (PSB) para a sucessão municipal em Madre de Deus ficou ainda mais incorpado e os ataques teleguiados começam a tentar criar fissuras na sólida estrutura política da pré campanha.

A natimorta tentativa do prefeito Jailton Santana (PTB) – junto com seus ex-desafetos do grupo de Jeferson Andrade (PP) – em buscar a sua reeleição não comprometeu a pavimentação do projeto capitaneado pelo silencioso Beija-Flor. Apesar da aparente tranquilidade, factoides começam a estourar para criar cenários desconfortáveis para Dailton e seus aliados.

De forma legítima, os partidos que integram o projeto do PSB pleiteiam a vaga naquela que deve ser a próxima gestão municipal em Madre de Deus. Segundo lideranças políticas que integram o grupo, não existem imposições em torno do posto na vice candidatura. O interesse dos Republicanos, Solidariedade e até mesmo a possibilidade de uma chapa puro sangue não passam de especulação.

Nomes como Jilvan Valadão, Paulinho de Nalva, Amilton, Joyce, Pastor Melk e Val Peças são tidos como boas escolhas, mas que assim como outros postulantes, podem agregar ainda mais força à chapa comandada por Dailton Filho. Ainda no campo das especulações, o vereador Marden Lessa (PSB) também teve seu nome citado.

“No início dessa corrida, quando meu nome apontava cerca de 13% de aprovação e fui convidado por Dailton, declinei de integrar a chapa majoritária pelo mesmo motivo que sempre zelo: a unidade no grupo político. Nosso partido tem lideranças como o vereador Val Peças e o Solidariedade tem meu leal amigo Pastor Melk e Amilton Pereira que são nomes que agradam. O Republicanos tem ótimos quadros, enfim, nosso grupo é privilegiado por nomes de referência positiva”, afirmou Marden ao comentar sobre as especulações que citam seu nome.

Para o vereador, não existe disputa ou preferências dentro do grupo de Dailton. Segundo ele, todo tema tem sido discutido de forma transparente e sem pressões. “Uma característica forte do grupo tem sido o diálogo intenso que não se esgota, sem imposições ou decisões unilaterais. Dailton é bom ouvinte e todos possuem espaços para suas considerações”, pontuou.

Perguntado sobre os factoides que começam a surgir na cidade na direção da pré candidatura de Dailton e de seu grupo político, Marden foi enfático: “Estão inventando todo tipo de boato e como mentira não se sustenta. Qualquer tentativa de criar desconforto será tratada da forma de forma sensata. Se algo ferir dignidade ou manchar reputações será levado para diante da Lei. Prezamos pela verdade e assim estamos conduzindo o projeto que será vitorioso para os filhos da terra”, finalizou..

Leia a anterior

Madre de Deus: ex-secretária de Juventude rebate ataques após ser exonerada por Jailton e denuncia descaso na pasta

Leia a próxima

Solidariedade aponta descumprimento de palavra e não faz mais parte do governo interino de Jailton Santana

Um comentário

  • Mais pra frente que essa chapa com Dailton Filho e seu vice será escolhido na hora certa, não importa os factóides que surgiram e ainda vão surgir até a definição do vice, essa foto acolha vai ser feita no momento certo com responsabilidade clareza e união do grupo. Vamos rumo a vitória para que Madre de Deus seja bem representada e administrada com responsabilidade e com a confiança dos eleitores de nossa cidade.

Deo seu recado

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *