Lauro de Freitas: 5ª Mostra de Filmes Educa 7 Minutos será lançada nesta segunda-feira (29)

A 5ª edição da Mostra de Filmes Educa 7 Minutos será lançada na próxima segunda-feira (29), às 8h, na faculdade Unime. O projeto da Secretaria de Educação (SEDED) de Lauro de Freitas que já beneficiou mais de 2 mil estudantes do ensino fundamental, médio e EJA além de grupos sociais com formações em segmentos do audiovisual, inclui este ano alunos da educação infantil. As inscrições seguem abertas até o dia 10 de maio.

O Educa 7 promove formação relacionada à filmagem, fotografia, atuação, edição e montagem, para produções de curtas-metragens de até sete minutos. Parte das ações do Cidade Educadora, o projeto é desenvolvido pelo Núcleo de Educomunicação da Semed.

Ampliação – “Tem Criança no 7”. Este é o nome da extensão do Educa 7 que fará formação com crianças do grupo 2º ao 5° da Educação Infantil Municipal. A Escola Ismael Ornelas, Itinga, será a unidade piloto, como explica a coordenadora do Núcleo de Educomunicação, Gabriella Santana. “Entendemos que a educação infantil também já está inserida na cultura digital. A Escola Ismael Ornelas possui equipamentos e profissionais motivados ao uso de tecnologias, o que possibilita a ampliação do aprendizado através dos recursos audiovisuais”. destacou. Os miudinhos farão oficinas, mas não concorrem às premiações ao final da edição do projeto.

Inscrições – As inscrições para a 5ª edição seguem abertas até o dia 10 de maio, somente, pela internet, através do link: http://twixar.me/rpgK. Os interessados podem participar nas categorias: cine escola (para estudantes do fundamental, médio e Educação de Jovens e Adultos); e territórios da cultura e esportes, voltada para jovens oriundo de instituições sociais. Vinte propostas de produção cinematográficas serão selecionadas.

Alexandre Sena, idealizador do projeto e educomunicador, relata que durante as quatro edições anteriores foi possível perceber um crescimento cognitivo no aprendizado dos alunos. “Os jovens que participaram do projeto passaram a ser colaboradores nas produções internas de suas escolas. Entre estas e outras evidências, esperamos atender um número maior de escolas em 2019”, ressaltou.

Leia a anterior

PAA entrega 3 toneladas de alimentos em Candeias

Leia a próxima

Especulações dinâmicas e expectativas demoradas na política de Madre de Deus

Deo seu recado

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *