EPIs, respiradores e materiais de higiene e limpeza doados pela Braskem contribuíram para enfrentamento do coronavírus na Bahia

A Braskem promoveu uma série de ações de combate ao coronavírus e de apoio as comunidades do seu entorno ao longo desse ano. Essas iniciativas, implementadas em parceria com outras empresas e autoridades públicas, transformaram resinas plásticas e químicos em embalagens para álcool líquido e gel, produção de água sanitária, Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) e até a impressão 3D de hastes para máscaras de proteção.

De acordo com a gerente de Relações Institucionais da Braskem na Bahia, as medidas adotadas pela companhia, que produz matérias-primas fundamentais para abastecer os setores essenciais da sociedade, incluindo a saúde, colaboraram no enfrentamento ao coronavírus. “A química e o plástico se confirmaram como soluções cruciais nesse momento de pandemia, contribuindo para garantir a proteção e preservação da saúde da população. Promovemos uma série de ações com foco na segurança dos profissionais de saúde e das comunidades próximas, contribuindo para mitigar os impactos da pandemia”, pontua Magnólia Borges.

Entre as iniciativas promovidas na Bahia, a Braskem doou 150 mil máscaras para a Prefeitura de Camaçari e 400 para o 10º Grupamento do Corpo de Bombeiros do mesmo município. Já o Serviço de Atendimento Médico de Urgência (SAMU) de Salvador recebeu 125 macacões para reforçar a proteção dos profissionais de saúde do órgão.

A parceria da companhia com as Indústrias Reunidas Raymundo da Fonte também viabilizou a produção de 32 mil litros de água sanitária, que foram encaminhadas para unidades de saúde na Bahia, contribuindo para higienização desses espaços e prevenção do coronavírus. Em ação conjunta com a Federação das Indústrias do Estado da Bahia, a Braskem ainda doou 3 respiradores para tratamento de pessoas com Covid-19 para uso pela rede hospitalar estadual.

A Obras Sociais Irmã Dulce (Osid) foi beneficiada com a entrega de 38,4 mil unidades de sacos de resíduos, 20 mil aventais e 2,5 mil capas plásticas. Os materiais foram fabricados pela Termoplast, Grupo Lord e PHX, respectivamente, com insumos doados pela Braskem, com o intuito de contribuir com a proteção dos profissionais de saúde do Hospital Santo Antônio, que pertence à Osid, e higienização da unidade.

Além de apoiar o setor de saúde, a Braskem também contribuiu com a prevenção de 16 comunidades do seu entorno, além de seis instituições sociais em Salvador, Camaçari e Candeias. No total, foram distribuídos 8.550 kits de higiene e limpeza, beneficiando 34 mil pessoas. Ao longo desse ano, também foram doadas mais de 27 toneladas de alimentos para instituições sociais e catadores vinculados a cooperativas de reciclagem na Bahia com o objetivo de amenizar os impactos da pandemia no estado. A iniciativa beneficiou mais de seis mil pessoas em Camaçari, Salvador, Lauro de Freitas, Dias d’Ávila e no distrito de Porto de Sauípe, em Entre Rios.

Além da Bahia, a companhia também promoveu ações em outros seis estados, totalizando a doação de 60 milhões de máscaras, 500 mil frascos para álcool gel, 120 mil litros de água sanitária, impressão 3D para hastes de máscaras face shield, 50 mil kits de higiene e limpeza para as comunidades, 3 meses de cestas básicas para 1800 famílias de catadores de material reciclável, 100 mil litros de álcool a 70% para a rede hospitalar.

Leia a anterior

Braskem renova contratos de matéria-prima com Petrobras

Leia a próxima

A culpa é do CEP: Sobra competência ao coronavírus e falta capacidade na gestão municipal de Madre de Deus que proíbe não residentes na cidade

Deo seu recado

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *